Microsoft Forefront codinome “Stirling”

Os clientes estão vivenciando vários desafios para fornecer uma infra-estrutura segura e bem gerenciada para suas empresas. Isto inclui:

Falta de proteção integrada: As atuais soluções de segurança não são bem integradas umas com as outras ou com uma interface de gerenciamento, assim é difícil monitorar e proteger a organização contra as ameaças emergentes.

Múltiplos produtos e consoles de segurança: Hoje, os profissionais de TI gastam muito tempo navegando entre os consoles de segurança e tentando gerenciar os múltiplos métodos para definir as tecnologias de proteção de gerenciamento e de diretiva de segurança.

Falta de visibilidade do estado de segurança: É difícil para os profissionais de TI obterem visibilidade no estado geral de segurança da organização, posto que as atuais tecnologias de segurança não compartilham informações.

*

Introduzindo o Microsoft Forefront codinome “Stirling”

O Forefront codinome “Stirling” é um produto único que proporciona gerenciamento unificado de segurança e relatórios com ampla proteção coordenada em clientes, aplicações de servidor e borda de rede. Através de sua profunda integração com a infra-estrutura existente, tal como o Microsoft Active Directory e Microsoft System Center, os clientes podem reduzir a complexidade, tornando mais fácil de se conseguir uma infra-estrutura segura e bem gerenciada.

Quais são os Principais Benefícios do Microsoft Forefront codinome “Stirling”?

Ampla Proteção: Fornecendo tecnologias integradas de proteção em clientes, aplicações de servidor e borda de rede; e através de respostas dinâmicas às ameaças emergentes, os profissionais de TI serão capazes de proteger pro-ativamente suas organizações contra as ameaças emergentes.

O “Stirling” integra abrangentes tecnologias de proteção, incluindo anti-malware, anti-spam, filtragem de conteúdo, firewall de host, múltiplos mecanismos de proteção para os sistemas de mensagens e colaboração, proteção de borda de rede e outras tecnologias a serem anunciadas em momento posterior.

As tecnologias do “Stirling” irão atuar como um sistema distribuído, compartilhando informações umas com as outras, permitindo a correlação das informações de segurança para identificar as ameaças complexas. As tecnologias de proteção incluídas no “Stirling” podem ser estabelecidas para responderem dinamicamente a estas ameaças, tornando mais fácil aos administradores de TI conduzirem as novas ameaças.

A integração com a Proteção Contra o Acesso à Rede (NAP) assegura que os administradores possam controlar o acesso à rede, com base no usuário e autorização de máquina, bem como a adesão à diretiva de segurança da empresa para proteção de extremidade.

Gerenciamento Unificado: O “Stirling” fornece um único console de gerenciamento para a segurança de borda de rede, servidor e cliente.

Os profissionais de TI podem facilmente definir suas diretivas de segurança corporativa e o “Stirling” automaticamente configura as relevantes tecnologias de proteção e assegura a adequação a essas políticas.

O “Stirling” implanta configurações aos grupos de máquinas ou usuários existentes no Active Directory.

Os profissionais de TI podem usar a infra-estrutura Microsoft Windows Server Update Services (WSUS) existente para implantar atualizações para o “Stirling”.

Visibilidade Crítica: Visibilidade crítica no estado de segurança, incluindo o conhecimento sobre ameaças e vulnerabilidades através de um console central que facilmente comunica onde as ações são requeridas.

O “Stirling” coleta informações de segurança dos dispositivos de borda de rede, de servidor e cliente; e fornece relatórios abrangentes e capacidade de detalhar e desenvolver investigações sobre específicos incidentes de segurança, tudo em um único local.

O “Stirling” permite que os profissionais de TI obtenham estado de segurança em tempo real ou identifiquem as tendências emergentes com base em dados históricos.

Como Funciona o Microsoft Forefront codinome “Stirling”?

O Microsoft Forefront codinome “Stirling” está sendo construído sob o compromisso da Microsoft em aprofundar a integração da segurança e gerenciamento de sistemas, com uma infra-estrutura de gerenciamento centralizado para gerenciar as diretivas de segurança corporativa; visualizar relatórios do estado geral de segurança; e identificar e proteger contra as ameaças emergentes. Através de sua integração com o Microsoft System Center, os administradores de TI têm um maior controle dos alertas, permitindo um gerenciamento mais completo do ciclo de vida da segurança.

O “Stirling” irá utilizar múltiplas tecnologias e abordagens para ajudar a proteger os ambientes de TI contra as ameaças desconhecidas. Por exemplo, permitindo-se o controle centralizado do software, que é permitido executar em uma máquina juntamente com as tecnologias de proteção avançada para manter o malware fora dos sistemas, os administradores podem mais facilmente proteger os sistemas contra as novas ameaças.

O “Stirling” integra um amplo conjunto de tecnologias de proteção, incluindo anti-malware, anti-spam, filtragem de conteúdo, firewall host, multi-mecanismos de proteção para sistemas de mensageria e colaboração, proteção de borda de rede e outras a serem anunciadas em um momento posterior.

Além da proteção fornecida pelas tecnologias individuais, as tecnologias do “Stirling” atuam como um sistema distribuído, compartilhando informações umas com as outras, permitindo a correlação das informações de segurança para identificar as ameaças complexas. As tecnologias de proteção incluídas no “Stirling” podem ser estabelecidas para responderem dinamicamente a estas ameaças através de uma variedade de técnicas de remediação, tornando mais fácil para os administradores de TI conduzirem as novas ameaças.

A integração com a Proteção Contra o Acesso à Rede (NAP) assegura que os administradores possam controlar o acesso à rede, com base no usuário e autorização de máquina, bem como a adesão à diretiva de segurança da empresa para proteção de extremidade.

 

Josué Vidal
Microsoft Certified Trainer
Microsoft Certified System Administrator
Blog:
http://vidalmaizena.spaces.live.com
Comunidade ITCentral – www.itcentral.com.br

Esse post foi publicado em Windows Server 2008 R2. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s